Como não andar de salto alto

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Andar de salto alto pode ser considerado uma arte, não é mesmo? Algumas mulheres mandam muito bem na hora de usar sapato de salto, inclusive com muita ousadia, com o exemplo de algumas dançarinas e das incríveis participantes de corridas de salto alto! rs Nós inclusive já escrevemos várias dicas sobre como andar de salto alto sem perder a linha, então só vai cair do salto quem não se ligar, certo meninas? 😉

Separamos um vídeo com um belo exemplo de como não andar de salto alto. Isso mesmo, antes de se aventurar em saltos altíssimos, além de pegar dicas em nosso blog, nada melhor do que um exemplo bem prático do que não se fazer nessa hora.

O vídeo mostra uma moça falando ao celular enquanto caminha usando um sapato com um mega salto agulha e meia pata. Se estamos falando exatamente sobre como não andar de salto alto, já dá para imaginar a cena, não é mesmo? Então vamos lá, aprenda com o erro dos outros e veja como não andar de salto alto:

Como não andar de salto alto: pontos que merecem atenção

O vídeo já mostra que a pobre garota provavelmente não tem muita prática em caminhar sobre saltos. Além disso, com a distração de falar ao telefone, foi uma verdadeira sortuda ao não levar tombo daqueles (pelo menos não até onde conseguimos ver rsrs).

De qualquer forma, apesar da vergonha alheia, este é um belo exemplo, no qual podemos claramente observar dois pontos que merecem muita atenção quando o desafio é andar de salto alto:

  1. Tipo do salto: o salto agulha, entre os mais diversos tipos de salto alto, é um dos que menos fornece estabilidade na hora de caminhar. Certamente é um dos mais elegantes, porém o seu uso exige muita prática, para que ao calçá-lo você transmita a maior naturalidade possível. Por este motivo, ensaie bastante em casa antes de sair desfilando por aí, ou provavelmente você ficará igual a mocinha do vídeo, com um risco iminente de beijar o chão e pagar um mico daqueles a qualquer hora;
  2. Movimento das pernas: ao visualizar a cena conseguimos apontar um outro motivo que deu origem a este desastrado exemplo de como não andar de salto alto. Pelo vídeo percebemos que a garota faz um movimento com as pernas de forma a tocar o salto e a parte frontal ao mesmo tempo no chão. Neste caso é muito importante que, independente do tamanho do salto, o movimento siga sempre a sequência onde o salto toca o chão primeiro, exatamente como quando se caminha sem salto, com o calcanhar encontrando primeiro o chão. Além de trazer mais naturalidade ao movimento é esteticamente muito mais agradável.

Como não andar de salto alto

Bom, agora que vocês já sabem como não andar de salto alto, a ordem agora é praticar, praticar e praticar, pois sem suor não há beneficio, e para ficar linda e elegante em um salto é preciso dedicação! 😉

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×